Ouvir Texto Stop

Algumas ações como escovar os dentes e regar o jardim podem dizer muito sobre como você ajuda o meio ambiente e a sua saúde. Para te conscientizar sobre isso, utilizamos ferramentas que auxiliam nas mudanças de hábitos diários.   

O grande aliado para mudanças nos nossos comportamentos é a educação sanitária. Pois ela gera conhecimento e está relacionada aos aperfeiçoamentos de cuidados pessoais diários e com os recursos naturais.

A educação Sanitária é um direito de todos, sendo assim, a comunidade pode ajudar a melhorar as condições do ambiente em que se vive, como por exemplo:

  • Tomar banhos rápidos e desligar o chuveiro ao se ensaboar;
  • Hidratar e Alimentar de modo saudável, pois o seu corpo necessita disso;
  • Lavar as calçadas com água de reuso da sua máquina de lavar;
  • Jogar o lixo na lixeira;
  • Fechar bem as torneiras, essa é a forma de evitar desperdício de água.

Ela deve ser tratada como uma prioridade, pois no Brasil algumas cidades ainda despejam esgotos sem tratamentos em rios, e cerca de 100 milhões de pessoas não tem nem coleta de esgoto. Esses fatores podem causar doenças na população e destruição do meio ambiente.

Nesse sentido, a educação sanitária é fundamental para as ações da vigilância sanitária. Ela precisa ser construída pela participação da comunidade local junto com o poder público. Incorpondo novas práticas de saúde coletiva, valorizando o saber e a autonomia das pessoas, promovendo formação adequada de consciência sanitária para a construção da cidadania e a promoção da saúde.